19 de novembro de 2011

Leucemia e Mielograma



LEUCEMIA


- Ambiente hematopoiético: - células estromais (endoteliais), reticulares, fibroblastos, adipócitos, macrófagos;
                                          - Células acessórias (linfócitos e células Natural Killer)
                                          - Fatores de crescimento de glicoproteínas;
                                          - Matriz extracelular.

- Espaço intravascular
- Espaço extravascular = 50% gordura e 50% células hematopoieticamente ativas
                 => Estes espaços são separados por uma parede composta pelas camadas: Células endoteliais, células adventícias e membrana basal. Há também poros para o controle da entrada de células maduras na corrente sanguínea.
                 => Na leucemia, a destruição desta parede fará com que ocorra a saída de células hematopoiéticas imaturas para a circulação sanguínea.

- Desenvolvimento celular normal: Célula estromal pluripotencial => células linfóides
                                                                                                 => células mielóides

- Células Estaminais: - Capacidade de auto renovação = gera estabilidade da hematopoiese;
                                - Diferenciam-se em múltiplas linhagens celulares;
                                - Originam as UFC's, progenitoras multipotenciais.

- Células Progenitoras: - Alta capacidade de auto renovação (pouca quantidade, multipotenciais);
                                   - Baixa capacidade de auto renovação (unipotentes, boas em diferenciação).

- Células Precursoras: - Células blásticas e seus progenitores;
                                  - Não se auto renovam;
                                  - São unipotenciais;
                                  - Grupos funcionais: - proliferação, maturação e armazenamento.

Mielopoese


- Mieloblasto => Pro mielócito => Mielócito => Metamielócito neutrófilo => Neutrófilo bastonete => Neutrófilo segmentado

- Monoblastos => Pró monócito => Monócito

- Mieloblastos => Pró mielócito => Mielócito => Metamielócito eosinófilo => Eosinófilo

- Mieloblastos => Pró mielócito => Mielócito => Metamielócito basofílico => Basófilo

- Rubriblasto => Pró rubrícito => Rubrícito => Metarrubrícito => Célula policromatofílica => Eritrócito

- Megacarioblasto => Pró megacariócito => Megacariócito => Pro plaqueta => Plaqueta


Linfopoiese


- Célula estaminal => Célula progenitora de linfócitos B => Linfócitos B na medula óssea

- Célula estaminal =: Células progenitora de linfócitos T e NK => Progenitor de células T => Timo => Linfócitos T
                                                                                              => Progenitor de células NK => Timo => Célula NK imatura => Medula óssea

=> Os linfócitos B vão para os folículos na placa de Peyer do jejuno e folículos do baço.


- Leucemia: - Proliferação neoplásica de células do sangue e medula óssea;

                   - Quanto ao tipo celular envolvido: - Leucemia aleucêmica: - Células originais da medula óssea; elas não chegam ao sangue periférico.
                                                                        - Leucemia subleucêmica: - Células originais da medula óssea; algumas chegam até a circulação geral.
                                                                        - Leucemia leucêmica: - Células da medula óssea; um número elevado de células alcança a circulação.


                   - Quanto a duração do processo: - Aguda: - Rápido desenvolvimento; prognóstico ruim a reservado. Há grande quantidade de células imaturas na circulação. Células pouco diferenciadas.

                                                                      - Crônica: - Proliferação de células bem diferenciadas; aparenta linfocitose.

- Leucemia Linfóide X Leucemia não linfóide
                                        => Diferenciação através de corantes citoquímicos.
                                               - Células linfóides são negativas para colorações.
                                               - Monócitos e neutrófilos são positivas para as colorações.
                                         => Células: granulocíticas, monócitos, plaquetas.

- Possíveis causas de Leucemia: - Algumas infecções virais;
                                                 - Alterações genômicas;
                                                 - Imunidade ruim;
                                                 - Radiação benzeno.

- Leucemia Aguda: - Comportamento agressivo com rápida progressão;
                              - Sinais clínicos: - Letargia ou anorexia, febre persistente ou recidivante, perda de peso, claudicação intermitente e alternada dos membros.
                                                       - Esplenomegalia, hepatomegalia, febre e linfadenopatia discreta;
                                                       - Petéquias ou Equimoses nas mucosas; palidez.
                                                       - Sinais neurológicos são mais comuns em animais com LLA.
                              - Diagnóstico: - Citologia aspirativa ou biópsia da medula óssea;
                                                    - Linfadenopatia maciça; hipercalcemia = linfoma;
                                                    - Sistemicamente doente, pancitopenia = leucemia aguda;
                                                    - Citopenias;
                                                    - LLA = Linfocitose + Leucocitose
                                                    - Hipercalcemia; aumento no fósforo inorgânico; aumento na FA, ALT e AST.
                                                    - Medula óssea estará hipercelular, com alto número de blastos e baixas quantidades de outros tipos celulares.

- Leucemia Crônica: - Mais frequente;
                                - Sinais clínicos quando aparecem, são parecidos com os da LA;
                                - Diagnóstico: - Linfocitose absoluta na LLC;
                                                      - Linfocitose + Leucocitose com desvio à esquerda;
                                                      - Anemia normocítica normocrômica;
                                                      - Trombocitopenia ou trombocitose;
                                                      - Aumento na FA; hipercalcemia;
                                                      - Medula óssea hipercelular com predomínio de células maduras linfóides e mielóides.




Classificação das Leucemias


- Leucemias Agudas
        - Leucemia Mielóide Aguda

                 - Leucemia Mielóide Indiferenciada => Muitas células blásticas de difícil diferenciação + citoplasma azulado.

                 - Leucemia Mieloblástica/ Mielocítica Aguda => Presença na medula óssea de mieloblastos em grande quantidade.
                                   - Leucemia Mielocítica sem maturação => Mieloblastos tipo I (mais de 90%) das células não eritróides.
                                   - Leucemia Mielocítica com maturação => Mieloblastos (neutrófilos predominantes)
                                   - Leucemia Pró Granulocítica Aguda => Predominância de pró mielócitos no sangue e na medula óssea.
                                   - Leucemia Mielomonocítica Aguda => Mieloblastos e monoblastos. Granulócitos e monócitos diferenciados presentes.
                                   - Leucemia Monocítica/Monoblástica Aguda => Monoblastos e promonócitos na MO.
                                              - L.Monoblástica pouco diferenciada => Monoblastos e promonócitos na MO.
                                              - L.Monocítica Diferenciada => Acima de 30% e abaixo de 80% de monoblastos e promonócitos.
           - Eritroleucemia Aguda => Células eritróides e granulocíticas imaturas no sangue periférico associado à doença não neoplásica. Acima de 50% de eritrócitos e abaixo de 30% de mieloblastos e monoblastos.
            - Megacarioblástica Aguda => - Presença de linfoblastos ou prolinfócitos neoplásicos em altas quantidades;
                                                            - 40 a 50 % das células nucleadas totais;
                                                            - Anisocitose, anisocariose, pleiomorfismo nuclear;
                                                            - Linfadenopatia marcada.

- Leucemias Subagudas ou Crônicas
          - Leucemia Mielóide/Mielocítica Crônica => - Aumento da quantidade de células imaturas (metamielócitos e mielócitos);
                                                                              - Neutrófilos hipersegmentados;
                                                                              - Baixa quantidade de mieloblastos presentes.

           - Leucemia Mielomonocítica Crônica => - Aumento elevado na proliferação de séries monocíticas e granulocíticas maduras e imaturas;
                                                                         - Monocitose persistente;
                                                                         - Falta de células blásticas na medula óssea.

           - Leucemia Linfóide Crônica => - Acúmulo de pequenos linfócitos maduros no sangue, medula óssea e tecidos linfóides.


Tratamento


- Leucemia Aguda => Fluidoterapia + Transfusão Sanguínea + ATB + Quimioterapia ( Vincristina e Prednisolona + agente alquilante);

- Leucemia Crônica => Tratamento suporte + Alquilante ou clorambucil em casos graves.




MIELOGRAMA



Esfregaço de material medula óssea, visto em microscopia.
Fonte: llasvegas.blogspot.com.

Mieloblasto e promielócito.
Fonte: biomedicinapadrao.com.

Esfregaço de material medula óssea visto através de  microscopia.
Fonte: poligonoead.com




- Procedimento pouco invasivo, rápido e fácil quando comparado à biópsia.

- Locais de punção: - Extremidade proximal do fêmur (fossa trocantérica), crista ilíaca, úmero proximal, junção arco costal e esterno.

- Obtenção de material: - Aspiração com agulha específica;
                                    - Anestesia local infiltrativa + Analgésico + Sedação;
                                    - Condição asséptica
                                    - Utilização de seringas com anticoagulante.

- Preparo de material: - Esfregaços corados pelo método Rosenfeld;
                                  - Observar em microscópio óptico de menor aumento => Avaliar celularidade, escalonamento maturativo das linhagens sanguíneas, presença de elementos celulares neoplásicos ou agentes infecciosos.

- Elementos celulares nucleados encontrados => Linhagem eritróide, mielóide, monocítica, linfocítica, megacariocítica, estroma medular.

- Principais distúrbios mieloproliferativos => Aumento na celularidade eritróide e mielóide por perda sanguínea e destruição celular.

- Principais distúrbios linfoproliferativos => Processos neoplásicos.

- Mielofibrose, presença de agentes infecciosos, intoxicação mediada por substâncias químicas e fármacos, radiação e doenças imunomediadas => Podem gerar hipocelularidade.

- Mielograma é indicado em casos de alterações inexplicáveis no hemograma, hipercalcemia, febre de origem desconhecida, suspeita de mieloftise, hiperproteinemia, monitoramento terapêutico...

- Averiguar a situação hemostática do paciente a ser submetido ao mielograma, antes de colher material.
___________________________________________________________________________________________
REFERÊNCIAS


FRANCO, D. G. et al. Leucemia canina: Laboratoriais e clínicos - Revisão de literatura. Vet. e Zootec. supl. ao v.15, n.3, dez., p.15-18, 2008. Disponível em <http://www.fmvz.unesp.br/revista/volumes/vol15_n3_supl/Suplemento_v15_n3_p15-18.pdf>.

LOPES, P. A. et al. Avaliação citológica de medula óssea em cães e gatos: Estudo retrospectivo de 26 casos. Disponível em <http://www.sovergs.com.br/conbravet2008/anais/cd/resumos/R1072-3.pdf>. 

MAIA, C. M. S. Leucemia no cão. Relatório final de estágio - Licenciatura em medicina veterinária. Universidade de trás os montes e alto douro. Vila Real / Portugal.  2008. 124 f. Disponível em <http://www.hospvetmontenegro.com/user/teses/tese_5.pdf>.

Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia - Unesp - Botucatu. Mielograma. Disponível em <http://www.fmvz.unesp.br/takahira/PDFs/laudo%20MO.pdf>.

Laforvet. Mielograma. Disponível em <http://www.laforvet.com.br/index.php?menu=destaques&dest=4>.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...